Política

Candidatos à PBH possuem R$ 42 milhões em bens; nove são milionários

As cartas estão na mesa. Os belo-horizontinos têm até o dia 2 de outubro para definir quem governará a capital mineira pelos próximos quatro anos – ou, ao menos, disputará o segundo turno. Após blefes e traições, agora é oficial: BH terá 11 candidatos ao cargo máximo da cidade. Dos 22 postulantes – considerando os vice-candidatos -, nove ultrapassam a barreira de R$ 1 milhão em bens.

Os candidatos oficiais milionários são: o vice-prefeito licenciado de BH Délio Malheiros (PSD); os deputados federais Eros Biondini (PROS), Luis Tibé (PTdoB) e Rodrigo Pacheco (PMDB); os deputados estaduais João Leite (PSDB) e Sargento Rodrigues (PDT); além do empresário Alexandre Kalil (PHS). Entre os vices mais ricos, estão o ex-secretário de Obras da PBH, Josué Valadão (PSB), e o deputado estadual Pastor Vanderlei Miranda (PMDB).

CANDIDATO BENS VICE BENS COLIGAÇÃO TOTAL
DÉLIO MALHEIROS (PSD) R$3.024.163,82 JOSUÉ VALADÃO (PSB) R$1.273.028,76 BH SEGUE EM FRENTE R$ 4.297.192,58
EROS BIONDINI (PROS) R$1.205.418,14 WALLACE BRANDÃO (PROS) R$2.200,00 PROS R$ 1.207.618,14
JOÃO LEITE (PSDB) R$1.696.107,09 PROF. RONALDO GONTIJO (PPS) R$822.011,37 JUNTOS POR BH R$ 2.518.118,46
KALIL (PHS) R$2.787.609,13 PAULO LAMAC (REDE) 0 PRA BH FUNCIONAR R$ 2.787.609,13
LUIS TIBÉ (PT DO B) R$1.518.287,54 EDSON PEREIRA (PTB) R$480.000,00 A BH QUE A GENTE QUER R$ 1.998.287,54
MARCELO ÁLVARO ANTÔNIO (PR) R$478.875,00 PROFESSORA ROSILENE (PSDC) 0 MUDANÇA DE VERDADE R$ 478.875,00
MARIA DA CONSOLAÇÃO (PSOL) R$99.000,00 PABLO LIMA (PCB) R$494.980,78 FRENTE DE ESQUERDA BH SOCIALISTA R$ 593.980,78
REGINALDO LOPES (PT) R$607.870,24 JÔ MORAES (PCDOB) R$133.177,66 FRENTE BH POPULAR R$ 741.047,90
RODRIGO PACHECO (PMDB) R$23.387.353,79 PASTOR VANDERLEI MIRANDA (PMDB) R$2.532.414,75 BEAGÁ PARA TODOS R$ 25.919.768,54
SARGENTO RODRIGUES (PDT) R$1.194.324,00 FELIPE TOTO TEIXEIRA (PSL) R$927.000,00 BH SEGURA R$ 2.121.324,00
VANESSA PORTUGAL (PSTU) R$275.000,00 FIRMINIA RODRIGUES (PSTU) 0 PSTU R$ 275.000,00
TOTAL R$36.274.008,75 R$6.664.813,32 R$ 42.938.822,07

 

Dentre os mais abastados, sempre conforme a declaração feita ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral), o que mais chama a atenção é o candidato peemedebista Rodrigo Pacheco. O deputado federal declarou ter quase R$ 24 milhões em bens. Ajudam a compor o patrimônio milionário imóveis em Capitólio (MG), onde fica o condomínio de luxo Escarpas do Lago, avaliado em R$ 3,3 milhões; e em Passos (MG), R$ 1 milhão; além de participações no holding CH3 (do qual fazem parte postos de gasolina e uma empresa de viação), avaliadas em R$ 5,7 milhões.

Em seguida, aparecem Délio Malheiros, que entre os bens mais valiosos está um apartamento na Zona Sul de BH avaliado em R$ 1,4 milhão; e Kalil, que acumula a quantia milionária entre imóveis, veículos e participações em empresas. No outro extremo, está a candidata do Psol, Maria da Consolação, que declarou ter apenas uma casa e um veículo Vitara de 1994.

Comentários


To Top