Política

Racha no PDT: Apoio de Sargento Rodrigues a João Leite causa desgaste interno na legenda

A decisão do deputado estadual e ex-candidato à Prefeitura Municipal de Belo Horizonte (PBH) Sargento Rodrigues, do PDT, de apoiar a candidatura do tucano João Leite, no segundo turno, causou um racha interno na legenda. Na noite dessa quinta-feira (6), a presidente estadual do PDT, Sírley Soalheiro, divulgou nota avaliando a postura de Rodrigues — que é presidente do diretório municipal da legenda — como “individual, isolada” e prematura. Contrariando o ex-candidato, em reunião da executiva do PDT realizada na quinta-feira, foi declarado apoio ao candidato Alexandre Kalil (PHS). Sargento Rodrigues não compareceu à executiva e preferiu não comentar sobre a decisão do partido.

O apoio de Sargento Rodrigues ao candidato João Leite foi anunciado na quarta-feira (5). “Após conversarmos, João Leite assumiu diversas propostas do meu plano de governo. Faço a opção em apoiar João Leite”, diz.

Sargento Rodrigues (PDT) declarou apoio a João Leite (PSDB) na última quarta-feira (5) (Reprodução/Facebook)

Sargento Rodrigues (PDT) declarou apoio a João Leite (PSDB) na última quarta-feira (5) (Reprodução/Facebook)

Em contraposição, membros do PDT repudiaram o anúncio do presidente municipal, afirmando que as decisões deveriam encontrar entendimento conjunto entre executivas municipal, estadual e nacional. “A decisão de apoio às candidaturas em modo geral, sempre buscam ser democráticas, coerentes e, sobretudo, que vá em encontro com o conjunto do partido. Não podemos nos curvar diante de uma decisão unilateral e isolada” diz a nota assinada por Sírley Soalheiro. “A maioria da executiva definiu, democraticamente, apoio ao candidato Alexandre Kalil e assim caminharemos na certeza que manteremos firmes nosso posicionamento e construção de uma sociedade mais justa”, conclui.

Racha no PMDB

O apoio do ex-candidato pelo PMDB, Rodrigo Pacheco, a João Leite (PSDB) também causou desgaste entre membros da legenda. A decisão foi avalizada pelo presidente do diretório municipal, Antônio Andrade, que também é vice-governador do Estado. João Leite é um dos principais críticos do governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT).

Na última quarta-feira (5), deputados estaduais do PMDB, liderados pelo presidente do Legislativo mineiro, Adalclever Lopes, publicaram uma nota desautorizando o apoio ao tucano.

 

 

Comentários


To Top